Click here to close now.

Welcome!

Websphere Authors: Pat Romanski, JP Morgenthal, Elizabeth White, AppDynamics Blog, Roger Strukhoff

News Feed Item

Lenovo supera o mercado no 4o trimestre e no ano completo de 2013/14

O Grupo Lenovo divulgou hoje os resultados do seu quarto trimestre fiscal e do ano encerrado em 31 de março de 2014. Com as vendas do ano tendo atingido o recorde de US$ 38,7 bilhões, uma alta de 14% em relação ao ano anterior, rendimento bruto de US$ 1,01 bilhão, 27% mais que no ano anterior, e ganhos recordes do ano completo de US$ 817 milhões, uma alta de 29%, a Lenovo teve um ano realmente excepcional.

A Lenovo ampliou sua posição de líder número um em computadores, acrescentando 2,1 pontos da quota de mercado para publicar uma quota total recorde de 17,7% para o ano completo, o que representa 5% de crescimento em relação ao ano anterior, em contraste com o declínio mundial de 8% do setor durante o mesmo período. Mesmo quando o mercado de computadores da China desacelerou, o lucro operacional da Lenovo na China PC melhorou 1 ponto percentual. A região da Ásia-Pacífico teve uma participação recorde de quase 15% e, ao mesmo tempo, melhorou sua rentabilidade. Pela primeira vez, a receita da Lenovo na região da EMEA superou sua receita de computadores na China no trimestre, enquanto que nos EUA, a Lenovo superou a Apple ao assumir a terceira posição em vendas de computadores no quarto trimestre. Com 20 trimestres consecutivos de crescimento no mercado de computadores pessoais, a Lenovo continuou a mostrar que pode apresentar um crescimento rápido em vendas absolutas e em métricas de quota de mercado relativa.

Ao combinar tablets e computadores na categoria “PC + Tablet”, a Lenovo vendeu um número recorde de 64 milhões de dispositivos, uma alta de cerca de 18% no ano, e ultrapassou esse mercado em mais de 13 pontos percentuais. A Lenovo publicou um volume recorde total de dispositivos de 114 milhões, uma alta de 37% em relação ao ano anterior. Este foi o 4o trimestre consecutivo em que a Lenovo vendeu mais tablets e smartphones do que computadores. Tais fatos ilustram a transformação da Lenovo como líder em dispositivos conectados inteligentes.

“As vendas e lucros recordes que nós apresentamos no ano passado provam que a Lenovo pode crescer e cumprir seus compromissos, independentemente das condições de mercado”, disse Yuanqing Yang, Presidente e Diretor Executivo da Lenovo. “Nós não só fortalecemos a nossa posição de liderança em computadores, mas ganhamos três pontos em tablets ao quadruplicar o volume de vendas, e nos tornamos a principal empresa de smartphones em mais rápido crescimento no mundo. Isso demonstra a nossa capacidade de gerir tanto os negócios que já estão amadurecidos como aqueles que estão alcançando a maturidade. Enquanto isso, nós estamos desenvolvendo novos fatores de impulsão para o crescimento na empresa e no ecossistema. Através da combinação de nossos negócios existentes e novos, a Lenovo oferece hoje um grande valor para os acionistas, e o nosso valor será ainda maior no futuro.”

O lucro bruto para o ano completo encerrado foi de US$ 5,06 bilhões, uma alta de 14% em relação ao ano anterior. A margem bruta foi de 13,1%, enquanto o lucro operacional para o ano fiscal foi de US$ 1,05 bilhão, um salto de 32% em relação ao ano anterior.

A Lenovo teve receitas recordes para o quarto trimestre de US$ 9,4 bilhões, um crescimento de 19% em relação ao ano anterior. A Lenovo obteve receita bruta de US$ 212 milhões durante o quarto trimestre fiscal, uma alta de 28% em relação ao mesmo período do ano passado. O lucro bruto da empresa para o quarto trimestre fiscal cresceu para US$ 1,24 bilhão, um aumento de 18% em relação ao ano anterior. A margem bruta foi de 13,3%. O lucro operacional do quarto trimestre foi de US$ 231 milhões, 37% superior ao ano anterior, enquanto os ganhos aumentaram 25% em relação ao ano anterior, para US$ 158 milhões. Comparado com um declínio geral do setor de mais de 4,6% em relação ao quarto trimestre fiscal do ano anterior, as vendas da Lenovo cresceram a um prêmio de 15 pontos em relação ao mercado.

Os ganhos básicos por ação no quarto trimestre fiscal foram de 1,53 centavos de dólar americano, ou 11,87 centavos de dólar de Hong Kong. A diretoria da Lenovo informou dividendos finais de 2,32 centavos de dólar americano, ou 18 centavos de dólar de Hong Kong, por ação no ano fiscal encerrado em 31 de março de 2014.

VISÃO GEOGRÁFICA GERAL

  • A Lenovo China melhorou sua margem operacional do quarto trimestre em 0,8 pontos para 5,5%. Com US$ 3,1 bilhões em vendas consolidadas no quarto trimestre fiscal, a China foi responsável por 33% das vendas mundiais da empresa. A Lenovo protegeu a sua liderança em computadores pessoais com uma participação de 32,6%, com as margens de computadores pessoais melhorando 1,1 ponto com remessas estabilizadas e aumento do preço médio de venda. A China continua investindo no impulso em dispositivos conectados inteligentes para captar oportunidades de 4G e Smart TVs.
  • Na região Ásia-Pacífico/América Latina, a Lenovo alcançou uma fatia de mercado de 15,6% no quarto trimestre fiscal, um crescimento de 2,1 pontos em relação ao ano anterior. Embora o mercado regional de computadores tenha melhorado, com uma queda de apenas 1,5% em relação ao ano anterior, a empresa aumentou suas remessas de computadores para toda a região em 14%. A Lenovo permaneceu em primeiro lugar no Japão com um crescimento enorme de 35% nas remessas. As vendas consolidadas de toda a região totalizaram US$ 1,7 bilhão, ou 19%, das vendas mundiais da Lenovo, enquanto as margens operacionais aumentaram 1,3 pontos para 2,7%.
  • A Lenovo na Europa, Oriente Médio e África aumentou as remessas durante o quarto trimestre para 33,3% e desenvolveu um impulso mais forte em toda a região. A região da EMEA alcançou uma quota de mercado de 15,8%, aumentando as remessas em 4 pontos em relação ao ano anterior, ou um prêmio de quase 34 pontos para o mercado. A empresa obteve vendas consolidadas de US$ 2,6 bilhões no quarto trimestre, um aumento de 39% em relação ao ano anterior, e bom para 27% do total de vendas da Lenovo em todo o mundo. A margem de lucro operacional foi de vigorosos 2,9%, um aumento de 1,0 ponto em relação ao ano anterior.
  • As remessas de computadores da Lenovo na América do Norte no quarto trimestre fiscal aumentaram 18% em relação ao ano anterior, em um mercado que caiu cerca de 8%. Nesse ambiente, a empresa aumentou 2,5 pontos de participação para uma participação recorde de mercado de 11,4%. As vendas consolidadas cresceram 23% em relação ao ano anterior para aproximadamente US$ 2 bilhões no quarto trimestre, impulsionadas por um forte crescimento em todos os produtos. Isso representou 21% das vendas mundiais da Lenovo. Nos EUA, durante o quarto trimestre, a Lenovo ultrapassou a Apple em unidades de computador, enquanto alcançou o terceiro lugar pela primeira vez neste mercado crítico com uma participação recorde de 10,8%. A empresa continua investindo em seus negócios em rápido crescimento no Brasil e na América Latina.

VISÃO GERAL DO PRODUTO

  • As vendas consolidadas dos negócios de laptops da Lenovo em todo o mundo no quarto trimestre fiscal totalizaram US$ 4,8 bilhões, uma alta de 16% em relação ao ano anterior, o que representa 51% das vendas totais da empresa. Durante o mesmo período, as remessas de laptop da Lenovo em todo o mundo aumentaram 12,9%, em comparação a uma queda geral de 5,8% do setor. No quarto trimestre fiscal, a Lenovo anunciou sua mais nova versão do ThinkPad X1 Carbon, o mais leve ultrabook de 14 polegadas do mundo. Construído com o mesmo material resistente mas leve de aviões e carros de corrida, a caixa de fibra de carbono do X1 Carbon pesa menos que o magnésio ou o alumínio, mas é mais forte que ambos. A empresa também anunciou a série de laptops ThinkPad 11e, concebida especificamente para educação e reforçada para o desempenho K-12 em sala de aula.
  • Durante o quarto trimestre fiscal, as remessas de computadores de mesa da Lenovo aumentaram 6,8% no mundo em relação ao ano anterior, em comparação a um declínio de 3,1% do setor em todo o mundo. As vendas consolidadas de computadores de mesa da Lenovo para o mesmo período aumentaram 14%, atingindo US$ 2,7 bilhões, ou 29% das vendas totais da empresa em todo o mundo. No quarto trimestre fiscal, a Lenovo anunciou o computador de mesa C560 tudo em um (all-in-one, AIO), um equipamento com tela grande ideal para famílias, computador multitouch para casa que dobra em trabalho e lazer, bem como o ThinkVision Pro2840m, repleto de recursos, tela de 28 polegadas, resolução profissional 4K, e o ThinkVision 28, uma tela inteligente que não é apenas um monitor de ultra definição, mas é também um centro de entretenimento compatível com Android.
  • A Lenovo teve remessas sólidas e manteve-se como o segundo fabricante de smartphones da China, com um rápido crescimento em todas as suas linhas de produto Mobile Internet e Digital Home (MIDH). Durante o quarto trimestre fiscal, as vendas consolidadas de MIDH aumentaram 71% para US$ 1,3 bilhão em relação ao ano anterior, ou 13% das vendas globais da empresa. As remessas mundiais de smartphones da empresa cresceram 59,4% no quarto trimestre, superando o mercado mundial em 28%. A empresa também superou o mercado da China, pois trabalhou para captar oportunidades 4G/LTE ao expandir seu próprio ecossistema da loja Lenovo App. Até agora, a loja já apresentou 6 bilhões de downloads. Ela tem uma média de 25 milhões de downloads por dia. O aplicativo SHAREit da Lenovo ganhou o prêmio Mobile World Congress de melhor aplicativo, e foi o primeiro aplicativo desenvolvido pela Lenovo a alcançar 100 milhões de usuários.

No quarto trimestre fiscal, a Lenovo lançou vários smartphones, incluindo o seu primeiro smartphone, o Lenovo Vibe Z, um dispositivo superfino, incrivelmente rápido, equipado com controles de gesto, software de melhoria de fotos e outras tecnologias superiores. A empresa também anunciou o novo Yoga Tablet de 10 polegadas HD+, um dispositivo multimodo que infunde o tablet Yoga original da Lenovo com uma tela full HD, processador Qualcomm Snapdragon, câmera de alta resolução e uma incrível bateria de vida útil de aproximadamente 18 horas sob certas condições.

SOBRE A LENOVO

A Lenovo (HKSE: 0992) (PINK SHEETS: LNVGY) é uma empresa de tecnologia pessoal avaliada em US$ 39 bilhões – a maior empresa de computadores do mundo, que atende clientes em mais de 160 países. Dedicados a produzir dispositivos de internet móvel e computadores excepcionalmente projetados, os negócios da Lenovo são criados a partir de inovação de produtos, uma cadeia global de suprimentos altamente eficiente e forte execução estratégica. Formada com a aquisição da antiga divisão de computadores pessoais da IBM pelo Grupo Lenovo, a empresa desenvolve, fabrica e comercializa serviços e produtos tecnológicos fáceis de usar, seguros, confiáveis e de alta qualidade. Suas linhas de produtos incluem os lendários computadores de consumo da marca Idea e os computadores comerciais da marca Think, além de servidores, estações de trabalho e uma família de dispositivos de internet móvel que inclui tablets e smartphones. A Lenovo, uma empresa mundial listada no ranking Fortune 500, possui importantes centros de pesquisa em Yamato, no Japão, em Pequim, Xangai e Shenzhen, na China, em São Paulo no Brasil, e em Raleigh, na Carolina do Norte, EUA. Para obter mais informações, acesse www.lenovo.com.

 

GRUPO LENOVO

RESUMO FINANCEIRO

Para o quarto trimestre e o ano fiscal completo encerrado em 31 de março de 2014

(em milhões de US$, exceto para dados de participação acionária)

   
 
Quarto trimestre de 2013/2014

Quarto trimestre de 2012/2013

Mudança em relação ao ano anterior

Ano completo 2013/2014

Mudança em relação ao ano anterior
Receita 9.357 7.832 19% 38.707 14%
Lucro bruto 1.244 1.052 18% 5.064 14%
Margem de lucro bruto 13,3% 13,4% -0,1 pontos 13,1% NIL
Despesas operacionais (1.013) (883) 15% (4.012) 11%
Índice de despesas para receita 10,8% 11,3% -0,5 ponto 10,4% -0,3 pontos
Lucro operacional 231 169 37% 1.052 32%
Outras despesas não operacionais (19) (3) 503% (38) NA
Receita bruta 212 166 28% 1.014 27%
Tributação (44) (42) 7% (197) 16%
Lucro no período 168 124 35% 817 29%
Participação minoritária (10) 3 NA - NA
Lucro atribuível aos acionistas 158 127 25% 817 29%

EPS (centavos de USD)
Básico
Diluído

1,53

1,51

1,22

1,20

0,31

0,31

7,88

7,78

1,72

1,71

Dividendos por ação (centavos de $HK)       24 5,5
 

O texto no idioma original deste anúncio é a versão oficial autorizada. As traduções são fornecidas apenas como uma facilidade e devem se referir ao texto no idioma original, que é a única versão do texto que tem efeito legal.

More Stories By Business Wire

Copyright © 2009 Business Wire. All rights reserved. Republication or redistribution of Business Wire content is expressly prohibited without the prior written consent of Business Wire. Business Wire shall not be liable for any errors or delays in the content, or for any actions taken in reliance thereon.

@ThingsExpo Stories
With major technology companies and startups seriously embracing IoT strategies, now is the perfect time to attend @ThingsExpo in Silicon Valley. Learn what is going on, contribute to the discussions, and ensure that your enterprise is as "IoT-Ready" as it can be! Internet of @ThingsExpo, taking place Nov 3-5, 2015, at the Santa Clara Convention Center in Santa Clara, CA, is co-located with 17th Cloud Expo and will feature technical sessions from a rock star conference faculty and the leading industry players in the world. The Internet of Things (IoT) is the most profound change in personal an...
P2P RTC will impact the landscape of communications, shifting from traditional telephony style communications models to OTT (Over-The-Top) cloud assisted & PaaS (Platform as a Service) communication services. The P2P shift will impact many areas of our lives, from mobile communication, human interactive web services, RTC and telephony infrastructure, user federation, security and privacy implications, business costs, and scalability. In his session at @ThingsExpo, Robin Raymond, Chief Architect at Hookflash, will walk through the shifting landscape of traditional telephone and voice services ...
The 17th International Cloud Expo has announced that its Call for Papers is open. 17th International Cloud Expo, to be held November 3-5, 2015, at the Santa Clara Convention Center in Santa Clara, CA, brings together Cloud Computing, APM, APIs, Microservices, Security, Big Data, Internet of Things, DevOps and WebRTC to one location. With cloud computing driving a higher percentage of enterprise IT budgets every year, it becomes increasingly important to plant your flag in this fast-expanding business opportunity. Submit your speaking proposal today!
Explosive growth in connected devices. Enormous amounts of data for collection and analysis. Critical use of data for split-second decision making and actionable information. All three are factors in making the Internet of Things a reality. Yet, any one factor would have an IT organization pondering its infrastructure strategy. How should your organization enhance its IT framework to enable an Internet of Things implementation? In his session at Internet of @ThingsExpo, James Kirkland, Chief Architect for the Internet of Things and Intelligent Systems at Red Hat, described how to revolutioniz...
All major researchers estimate there will be tens of billions devices - computers, smartphones, tablets, and sensors - connected to the Internet by 2020. This number will continue to grow at a rapid pace for the next several decades. With major technology companies and startups seriously embracing IoT strategies, now is the perfect time to attend @ThingsExpo, June 9-11, 2015, at the Javits Center in New York City. Learn what is going on, contribute to the discussions, and ensure that your enterprise is as "IoT-Ready" as it can be
The security devil is always in the details of the attack: the ones you've endured, the ones you prepare yourself to fend off, and the ones that, you fear, will catch you completely unaware and defenseless. The Internet of Things (IoT) is nothing if not an endless proliferation of details. It's the vision of a world in which continuous Internet connectivity and addressability is embedded into a growing range of human artifacts, into the natural world, and even into our smartphones, appliances, and physical persons. In the IoT vision, every new "thing" - sensor, actuator, data source, data con...
Container frameworks, such as Docker, provide a variety of benefits, including density of deployment across infrastructure, convenience for application developers to push updates with low operational hand-holding, and a fairly well-defined deployment workflow that can be orchestrated. Container frameworks also enable a DevOps approach to application development by cleanly separating concerns between operations and development teams. But running multi-container, multi-server apps with containers is very hard. You have to learn five new and different technologies and best practices (libswarm, sy...
SYS-CON Events announced today that DragonGlass, an enterprise search platform, will exhibit at SYS-CON's 16th International Cloud Expo®, which will take place on June 9-11, 2015, at the Javits Center in New York City, NY. After eleven years of designing and building custom applications, OpenCrowd has launched DragonGlass, a cloud-based platform that enables the development of search-based applications. These are a new breed of applications that utilize a search index as their backbone for data retrieval. They can easily adapt to new data sets and provide access to both structured and unstruc...
There's Big Data, then there's really Big Data from the Internet of Things. IoT is evolving to include many data possibilities like new types of event, log and network data. The volumes are enormous, generating tens of billions of logs per day, which raise data challenges. Early IoT deployments are relying heavily on both the cloud and managed service providers to navigate these challenges. In her session at Big Data Expo®, Hannah Smalltree, Director at Treasure Data, discussed how IoT, Big Data and deployments are processing massive data volumes from wearables, utilities and other machines...
Buzzword alert: Microservices and IoT at a DevOps conference? What could possibly go wrong? In this Power Panel at DevOps Summit, moderated by Jason Bloomberg, the leading expert on architecting agility for the enterprise and president of Intellyx, panelists will peel away the buzz and discuss the important architectural principles behind implementing IoT solutions for the enterprise. As remote IoT devices and sensors become increasingly intelligent, they become part of our distributed cloud environment, and we must architect and code accordingly. At the very least, you'll have no problem fil...
SYS-CON Events announced today that MetraTech, now part of Ericsson, has been named “Silver Sponsor” of SYS-CON's 16th International Cloud Expo®, which will take place on June 9–11, 2015, at the Javits Center in New York, NY. Ericsson is the driving force behind the Networked Society- a world leader in communications infrastructure, software and services. Some 40% of the world’s mobile traffic runs through networks Ericsson has supplied, serving more than 2.5 billion subscribers.
The 4th International Internet of @ThingsExpo, co-located with the 17th International Cloud Expo - to be held November 3-5, 2015, at the Santa Clara Convention Center in Santa Clara, CA - announces that its Call for Papers is open. The Internet of Things (IoT) is the biggest idea since the creation of the Worldwide Web more than 20 years ago.
The worldwide cellular network will be the backbone of the future IoT, and the telecom industry is clamoring to get on board as more than just a data pipe. In his session at @ThingsExpo, Evan McGee, CTO of Ring Plus, Inc., discussed what service operators can offer that would benefit IoT entrepreneurs, inventors, and consumers. Evan McGee is the CTO of RingPlus, a leading innovative U.S. MVNO and wireless enabler. His focus is on combining web technologies with traditional telecom to create a new breed of unified communication that is easily accessible to the general consumer. With over a de...
Disruptive macro trends in technology are impacting and dramatically changing the "art of the possible" relative to supply chain management practices through the innovative use of IoT, cloud, machine learning and Big Data to enable connected ecosystems of engagement. Enterprise informatics can now move beyond point solutions that merely monitor the past and implement integrated enterprise fabrics that enable end-to-end supply chain visibility to improve customer service delivery and optimize supplier management. Learn about enterprise architecture strategies for designing connected systems tha...
Cloud is not a commodity. And no matter what you call it, computing doesn’t come out of the sky. It comes from physical hardware inside brick and mortar facilities connected by hundreds of miles of networking cable. And no two clouds are built the same way. SoftLayer gives you the highest performing cloud infrastructure available. One platform that takes data centers around the world that are full of the widest range of cloud computing options, and then integrates and automates everything. Join SoftLayer on June 9 at 16th Cloud Expo to learn about IBM Cloud's SoftLayer platform, explore se...
SYS-CON Media announced today that 9 out of 10 " most read" DevOps articles are published by @DevOpsSummit Blog. Launched in October 2014, @DevOpsSummit Blog offers top articles, news stories, and blog posts from the world's well-known experts and guarantees better exposure for its authors than any other publication. The widespread success of cloud computing is driving the DevOps revolution in enterprise IT. Now as never before, development teams must communicate and collaborate in a dynamic, 24/7/365 environment. There is no time to wait for long development cycles that produce softw...
15th Cloud Expo, which took place Nov. 4-6, 2014, at the Santa Clara Convention Center in Santa Clara, CA, expanded the conference content of @ThingsExpo, Big Data Expo, and DevOps Summit to include two developer events. IBM held a Bluemix Developer Playground on November 5 and ElasticBox held a Hackathon on November 6. Both events took place on the expo floor. The Bluemix Developer Playground, for developers of all levels, highlighted the ease of use of Bluemix, its services and functionality and provide short-term introductory projects that developers can complete between sessions.
From telemedicine to smart cars, digital homes and industrial monitoring, the explosive growth of IoT has created exciting new business opportunities for real time calls and messaging. In his session at @ThingsExpo, Ivelin Ivanov, CEO and Co-Founder of Telestax, shared some of the new revenue sources that IoT created for Restcomm – the open source telephony platform from Telestax. Ivelin Ivanov is a technology entrepreneur who founded Mobicents, an Open Source VoIP Platform, to help create, deploy, and manage applications integrating voice, video and data. He is the co-founder of TeleStax, a...
The Internet of Things (IoT) promises to evolve the way the world does business; however, understanding how to apply it to your company can be a mystery. Most people struggle with understanding the potential business uses or tend to get caught up in the technology, resulting in solutions that fail to meet even minimum business goals. In his session at @ThingsExpo, Jesse Shiah, CEO / President / Co-Founder of AgilePoint Inc., showed what is needed to leverage the IoT to transform your business. He discussed opportunities and challenges ahead for the IoT from a market and technical point of vie...
Grow your business with enterprise wearable apps using SAP Platforms and Google Glass. SAP and Google just launched the SAP and Google Glass Challenge, an opportunity for you to innovate and develop the best Enterprise Wearable App using SAP Platforms and Google Glass and gain valuable market exposure. In his session at @ThingsExpo, Brian McPhail, Senior Director of Business Development, ISVs & Digital Commerce at SAP, outlined the timeline of the SAP Google Glass Challenge and the opportunity for developers, start-ups, and companies of all sizes to engage with SAP today.